sábado, 17 de março de 2012

Um Deus estraga prazeres

Lendo o capítulo 12 do livro de Hebreus, eu me deparei com uma questão: Deus nos castiga?
A resposta para tal, está lá bem clara:
"Porque o Senhor corrige o que ama, E açoita a qualquer que recebe por filho."
Hebreus 12:6
"Pois o Senhor disciplina a quem ama, e castiga todo aquele a quem aceita como filho". 
Hebreus 12:6 (NVI)


Foi então que um versículo me chamou ainda mais a atenção: 
"E, na verdade, toda a correção, ao presente, não parece ser de gozo, senão de tristeza, mas depois produz um fruto pacífico de justiça nos exercitados por ela". 
Hebreus 12:11 

Eu me lembro de quando eu era criança sendo castigada ou repreendida pelo meu pai por alguma coisa que tinha feito. No momento eu chorava e não aceitava o castigo. Muitas vezes mesmo sabendo que estava errada, como uma criança birrenta eu esperneava e na minha mente eu me perguntava "Por que?".
Nós também somos assim com Deus. Não aceitamos sermos corrigidos, como crianças birrentas dizemos: "A vida é minha!" ou "Eu sou dono do meu nariz!" ou ainda "Por que não posso Deus?" .
Nossos pais carnais não nos deixavam comer chocolate demais, ou ficar sem escovar os dentes, também não nos permitiam faltar a escola ou deixar de tomar banho. Como crianças achávamos que nada disso nos traria mal, mas depois que crescemos e adquirimos maturidade, entendemos o porque dos "nãos" e dos castigos quando desobedecíamos. Não era uma questão de ter ou não a razão, a questão era que tudo aquilo nos faria de algum modo mal, e nós não sabíamos disso, mas nossos pais, sabiam.
Como seres humanos limitados que somos, não entendemos a correção de Deus, sem o Espirito Santo não podemos entender quão mal faz o pecado, não aceitamos os "nãos",  e muito menos as correções. 
Nos parece apenas que Deus é um "corta-barato" um velho chato sempre disposto a tirar nossos prazeres. Com certeza, ao pensarmos assim, demonstramos imaturidade e criancice. 
Pregando para alguns jovens eu percebo isso, e meu coração se entristece. Percebo o descaso para com as correções de Deus, e por fim a recompensa do erro. Deus não nos corrige para nos ver sofrer, ele nos corrige justamente para que não soframos mais! 
Hoje meu coração está triste, uma pessoa que amo muto que antes tocava na igreja para Jesus, está neste exato momento tocando numa balada. Junto com ele, os amigos que o incentivam a isso, todos desviados, pasmem TODOS estavam nos braços de Cristo, e agora, no álcool, nas drogas e na prostituição. Talvez por este fato eu tenha pensado nos "nãos" e nos "castigos" de Deus, pois se eu sendo humana sei que esse não é o melhor caminho, eu sendo humana sei que as consequências são ruins, imagine Deus em toda a sua sabedoria?
Lembremos que a razão de toda correção é o AMOR! "...Porque o Senhor corrige o que AMA."HB 12. 6
Por estes dias ouvi alguém dizer: "Amar não é aceitar tudo. Na verdade onde se aceita tudo desconfio que há falta de amor." 

"Por isso é que se diz: "Se hoje vocês ouvirem a sua voz, não endureçam o coração."
Hebreus 3:15 

Amém.

Um comentário:

  1. Lindo! Parabéns!
    Aqui vou postar no meu blog se vc não quiser eu retiro ok é só me falar!
    Que Deus continue te usando cada vez mais!
    A paz do Senhor!
    Rogério Félix

    ResponderExcluir